Sobre Rio de Janeiro

 

DINHEIRO

A moeda brasileira é o REAL. As notas bancárias estão em denominações de 100, 50, 10, 5 e 2; As moedas: 1,00 real; 50 centavos, 25 centavos, 10 centavos, 5 centavos e 1 centavo. Em geral as casas de câmbio aceitam trocar uma grande variedade de moedas estrangeiras, no entanto recomendamos que traga dólares americanos nessa mesma moeda, posto que esta troca-se mais facilmente que qualquer outra.

 

HORÁRIO

O território brasileiro abrange várias zonas horárias. Em relação ao GMT, a hora oficial de Brasília, seguida também no Rio de Janeiro e São Paulo, é 3 horas mais cedo (2 horas mais cedo no verão).

 

​TENSÃO ELÉTRICA

A tensão elétrica no Rio de Janeiro é de 110 volts.

 

LÍNGUA

A língua oficial é português. A língua inglesa também é falada, principalmente nas principais cidades, mas a língua mais próxima ao português é o espanhol com o qual você poderá ser entendido. 

 

CLIMA

O clima no Rio de Janeiro é tropical marítimo, quente e úmido. De acordo com a precipitação há duas estações: uma estação chuvosa de Dezembro a Abril e uma estação relativamente seca entre Maio e Novembro. As temperaturas variam durante as estações do ano e a temporada de chuvas é também o período mais quente.

GRATIFICAÇÕES

A maioria dos restaurantes e bares incluem 10% pelo serviço à conta. Lugares mais sofisticados podem cobrar até 15% a mais. Se o serviço não estiver incluído, deverá haver um aviso carimbado na conta. Os taxis não esperam gratificação, mas é comum arredondar a tarifa para cima. Em certas épocas é possível que o montante que se vê no taxímetro não seja o montante exato devido. Verifique se há uma tabela colada ao vidro traseiro do automóvel. Ali você poderá aferir o montante exato devido.

 

COMIDAS E BEBIDAS

Muita gente pensa que o Rio de Janeiro não tem uma culinária típica, o que não é verdade. As comidas tipicamente cariocas estão muito ligadas às receitas da culinária portuguesa, que foram adaptadas a realidade deste estado. Por quase dois séculos, de 1763 a 1960, a cidade foi a capital de Portugal e perpetuou, majoritariamente, a influência do gosto e tradições lusas na nossa comida. Um opção muito carioca e muito tradicional são os pratos a base de bacalhau, uma óbvia e deliciosa herança portuguesa que se estende até hoje sem muitas alterações. Aliás, existem muitos restaurantes especializados em servir bacalhau em todo o Rio de Janeiro. E, para quem não sabe o que pedir, comece com um delicioso bolinho de bacalhau, que fica super bem acompanhado com umas gotinhas de azeite! Pratos como rabada, língua, bife de fígado e sardinhas fritas podem ser considerados algo típico da culinária carioca. Afinal, são comidas muito comuns pelos restaurantes cariocas, principalmente os mais tradicionais, e que não vemos com facilidade em nenhum outro lugar. Mas, talvez, a mais carioca de todas as comidas seja a feijoada, tão querida em todo o estado. A feijoada carioca tem que ser com feijão preto e levar várias partes do porco (do focinho ao rabinho, vai quase tudo!). De acompanhamento, arroz branco e aquela farofa caprichada! A feijoada é tão típica que toda a quadra de escola de samba serve a iguaria pelo menos uma vez ao ano. E tem coisa melhor que feijoada e samba?

VESTUÁRIO

Estampas tropicais, de bolinhas, listras. No Rio de Janeiro você verá estampas! Inclusive usá-las ao mesmo tempo. A moda carioca se define pela valorização do conforto ao se vestir. Por exemplo, dificilmente você encontrará cariocas com muita produção ao sair à noite. Salto alto: quase raridade. O estilo do Rio de Janeiro é mais tranquilo, não muito concentrado do que no que pede o “dress code” da alta costura. Por isso, no Rio você verá uma infinidade de estampas, cores e opções de vestimenta leves e soltas. 

COMPRAS

Diversas feiras de artesanato, antiguidade e moda acontecem pelo Rio de Janeiro nos finais de semana. Entre as tradicionais estão a Feira de Ipanema, domingo, na praça General Osório; a Feira da Associação Brasileira de Antiquários, que toma conta da Praça Santos Dumont, na Gávea, também aos domingos; a Feira da Praça XV, aos sábados no Centro; e Feira do Rio Antigo, no primero sábado do mês, na Rua do Lavradio (Lapa). Para reunir compras, gastronomia e diversão, siga para a Feira de Tradições Nordestinas, em São Cristóvão, repleta de bares, restaurantes, lojinhas de artesanato e intensa programação de shows com bandas de forró. Belas peças de decoração e roupas no melhor estilo verão podem ser encontradas também no variado comércio de Ipanema, Leblon e Copacabana ou nos ateliês e lojinhas de Santa Teresa. Os fãs dos shoppings encontram boas opções na cidade, como o Rio Sul, em Botafogo; o gigantesco Barra Shopping; e os sofisticados Fashion Mall, em São Conrado; e Shopping Leblon. 

 

PRAIAS

O carioca não vive sem ter a praia por perto – seja para mergulhar, tomar sol, jogar bola ou simplesmente servir de cenário para caminhadas, corridas e pedaladas. Não é à toa que aos domingos, quando as pistas da orla de Copacabana, Ipanema e Leblon ficam fechadas para os carros, é intenso o movimento de gente por todos os lados, deixando o asfalto, os quiosques e os calçadões tão concorridos quanto a areia.  Veja o mapa das praias!

 

SAÚDE

Para que você tenha uma ótima viagem no Brasil, e leve de volta para casa apenas boas recordações, consulte dicas práticas e informações essenciais que vão ajudar a proteger a sua saúde e tornar sua estadia mais agradáveis e tranquilas. Acesse o Portal da Saúde e confira os cuidados gerais e os serviços de saúde disponíveis no Rio de Janeiro. Veja

 

SEGURANÇA

Turistas desavisados podem sofrer com assaltos no Rio de Janeiro.
Evite chamar a atenção mostrando objetos de valor e não saia com  mais dinheiro do que você precisa.